27 de mar de 2014

Militantes coxinhas e tchês desse meu Brasil huehuehue brbr

Olá internet! Como vamos?

Hoje é dia de falar sobre coisas relacionadas a comportamento e como tal venho para falar sobre revolucionários coxinhas.

Primeiramente como ex estudante de uma turma de história tenho conhecimento de causa para falar dos militantes de Facebook e dos revolucionários que miram no Tchê e acertam no Beto Jamaica.

Por sorte ontem veio ao meu conhecimento sobre uma galera que veste a camisa do socialismo e que queria arrombar a biblioteca da UFG já que os servidores estão em greve e tá todo mundo precisando de pegar livros, ou seja, acompanha o meu raciocínio: Militantes do socialismo indo contra o direito de greve em prol de objetivos próprios e praticamente abraçando o anarquismo. Oi?

Em geral o povo que é militante ante capitalismo que conheço, reclama de tudo enquanto tomam coca e xingam muito no twitter pelo iphone que compraram enquanto faziam shopping na Califórnia com os pais. Depois de tal descrição nem perco meu tempo falando mais nada. 

Para inicio de conversa militantes em geral tendem a serem chatos e só falarem de um assunto, depois que, honestamente, se você quer uma causa pela qual lutar então lute pela sua vida. Não digo que protestar, ir as ruas, erguer as mangas e pedir por melhorias é errado. Digo que fazer isso pelo Facebook não dá em nada. Digo que se você quer aderir a uma causa, vamos lá, mas faça um favor e deixa de ser hipócrita e antes de mais nada tenha conhecimento sobre o assunto.

P.S.: nem vou falar do povo anti PT que vai votar na Dilma esse ano, muito menos do povo que reclama dos políticos corruptos e não devolve o troco que veio a mais.

Então aqui fica meu apelo: quer fazer algo de diferente? Crie consciência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário